domingo, 2 de março de 2008

Pauvre con!



Não sei se tenho autoridade moral para comentar isto! Confesso que seria capaz de dizer a mesma coisa a alguém que me ofendesse pessoalmente.

No entanto, uma pequena diferença: não sou,nem virei a ser, primeiro ministro de nenhuma nação! E não me venham dizer que a um primeiro ministro basta sê-lo porque eu acho que o ditado da mulher de César se lhes aplica também!

Só posso terminar com um "pauvre con!" dirigido a quem, nestas imagens, não ofende apenas uma pessoa, com um grande umbigo, mas todos os franceses...

Espero que me perdoem!

3 comentários:

deep disse...

Eu vi a imagem na televisão e , como "reles mortal", senti-me atacada.
O verniz estalou... o senhor revelou-se!

Por mim, estás mais do que perdoado!

Bom domingo. :)

Profanus disse...

c´est peu.... c´est très, mais cão même!
chien mente!

CristinaGS disse...

Quando o nível baixa é a sério.