segunda-feira, 30 de junho de 2008

O Sangue dos inocentes....

"O sangue dos inocentes", de Julia Navaro, foi o livro que me acompanhou este fim-de-semana. É um livro grande, com cerca de 600 páginas, e é também um grande livro.

Vou sensivelmente a meio e já muito sangue inocente foi derramando. Estou a gostar mas é impressionante como as personagens aparecem, envelhecem e desaparecem dando lugar a outras... Parece uma história cheia de histórias que certamente terão todas algo em comum.

A acção já se situou em Bilbau, Granada, Roma, Berlim, Israel, Paris, Carcassone, Palestina,... Já passou também do Séc. XIII para 1939, para o fim da segunda guerra mundial e está agora na actualidade.

Um jovem, que apareceu por volta da página 200, é agora velho! Outro, que apareceu por volta da página 100, já morreu, bem como toda a sua família.

O sangue continua a ser derramado! Sangue cristão, judeu, muçulmano... sempre sangue inocente derramando em nome do fanatismo religioso!

O livro promete...

Vou ler mais um pouco,
até amanhã!

2 comentários:

Maria do Carmo Cruz disse...

Esse é o pecado e o crime mais nefando (ai, hoje acordei mazinha mas a falar car...) que consigo imaginar: matar em nome de Deus! Como se atrevem os homens a criar um deus à sua semelhança e usar o nome sagrado para cometerem todas as iniquidades? E infelizmente, deste sangue ninguém está inocente! Ninguém! Nem nós!. E é claro que o blogue é lido, ora bolas? Ou julga que sou algum ser etéreo? Sou uma velhota que deveria pesar menos 10 kgs do que peso, tenho 66 anos, e precisava de ser mais magra porque parti um pé e agora é que sei o que custa andar com 60kgs em cima só de um...
Um abraço. Eu virei cá lê-lo, quando me parecer que escreveu alguma coisa de jeito... Um abraço da Avó Pirueta

JvT disse...

Olá Maria do Carmo,

Obrigado pelas palavras simpáticas.

Não sei se estarei à altura de receber muitas das suas visitas, mas será sempre um prazer recebê-la por aqui.

Um abraço
João