domingo, 16 de dezembro de 2007

Gigi l'amoroso - Dalida

3 comentários:

CristinaGS disse...

Uma história tocante, a desta mulher! Bjs

Anónimo disse...

Dalida:
Alguns franceses lembram dela apenas esta frase terrivel , ao tempo:
Savez -vous , moi je suis egycienne d´origine :... eu gosto de Dalida.
Releio e ouço todos o que decidiram morrer por si próprios.
V~em à liça Stig Dagermann, sueco , publicado entre nós.
Extraordinário.
cordialmente. jrDm

JvT disse...

Eu também gosto... Gosto do sotaque que sempre manteve!

Quanto à sua vida e morte, penso que a homenagem que o Aznavour escreveu na canção "De la Scène à la Seine" a resume muito bem...

http://youtube.com/watch?v=9mqHAvNgEE4

Abraço
João